Prepare-se para a volta de Jesus! - Parte 25: Fortaleçam os fracos!

FAÇA DOWNLOAD:

mp3

1 Tessalonicenses 5:14,15

Texto Bíblico:

& 14 Pedimos a vocês, irmãos, que aconselhem com firmeza (orientem advertindo) os preguiçosos (os que não se aplicam às determinações do SENHOR), deem coragem (incentivem e acalmem) aos tímidos (os que têm falta de coragem ou força espiritual, desanimados), ajudem (com amor, resistam e se oponham aos...) os fracos na fé (os que não querem se fortalecer, não querem se tornar fortes) e tenham paciência (perseverem pacientemente sem um espírito de punição) com todos. 15 Tomem cuidado para que ninguém pague o mal com o mal. Pelo contrário, procurem em todas as ocasiões fazer o bem (algo que seja para Deus e Seu Reino) uns aos outros e também aos que não são irmãos na fé. (1 Ts.5:14,15 NTLH)

Nós estamos estudando o livro de 1 Tessalonicenses há 25 semanas. Nós já meditamos no livro do Apocalipse de João e conhecemos o cronograma de acontecimentos que ocorrerão após a volta de Jesus. Então, devemos estar preparados para esse grande evento do arrebatamento da Igreja, a fim de não sermos pegos de surpresa. Esta é a razão de eu estar compartilhando as palavras de Paulo aos cristãos de Tessalônica.

No texto que acabamos de ler, nós verificamos atitudes que devem ser tomadas em relação a três tipos de pessoas. (v.14) Essas pessoas são classificadas pelo apóstolo Paulo como os “preguiçosos”, os “tímidos” e os “fracos na fé”.

Abaixo, eu descrevo quatro verdades, por meio das quais nós podemos criar planos de ações espirituais, de modo a servirmos ao SENHOR, tanto para o fortalecimento de nossas próprias vidas como aos que pertencem à nossa família espiritual – a nossa igreja local.

1. Aquele que se prepara para a volta de Jesus se compromete com a missão que Jesus lhe deu.

& 14 Pedimos a vocês, irmãos, que aconselhem com firmeza (orientem advertindo) os preguiçosos (os que não se aplicam às determinações do SENHOR) (NTLH)

Sempre que falamos sobre missão no Cristianismo, nós nos lembramos da “Grande Comissão”. (Mt.28:19,20) Jesus nos mandou evangelizar, ensinar e batizar pessoas, a fim de que o Evangelho se tornasse conhecido e muitas pessoas fossem salvas. De fato, nós precisamos estar comprometidos com a Sua ordem.

O Evangelho nos ensina que o Cristianismo verdadeiro está baseado em amar a Deus e ao próximo. (cf. Mt.22:36-40) Para que pratiquemos esses mandamentos é necessário que aprendamos a morrer para nós mesmos, por meio dos princípios das “Bem-Aventuranças”. (cf. Mt.5:3-12) Quando morremos para nós mesmos, permitimos que a vida de Cristo flua através de nós e, então, estaremos verdadeiramente capacitados para fazermos a vontade de Deus.

A vontade de Deus é realizada quando aprendemos a colocar os princípios da Verdade divina às diferentes situações de nossas vidas. Desse modo, nós nos tornamos “amigos” de Jesus ou de Deus, pois Ele é Deus. (cf. Jo.15:12-14)

& 12 O meu mandamento é este: amem uns aos outros como eu amo vocês. 13 Ninguém tem mais amor pelos seus amigos do que aquele que dá a sua vida por eles. 14 Vocês são meus amigos se fazem o que eu mando. (Jo.15:12-14 NTLH)

A nossa missão é amar, e por isso orientamos com veemência ou energia aos que não querem se comprometer com as prescrições do SENHOR.

2. Aquele que se prepara para a volta de Jesus procura não perder o prazer pelo SENHOR e Seus propósitos.

& Deem coragem (incentivem e acalmem) aos tímidos (os que têm falta de coragem ou força espiritual, desanimados) (NTLH)

Por alguma razão, há entre nós os que perderam a coragem ou força espiritual e se tornaram desanimados. Eles não têm mais o ardor espiritual em suas almas nem o prazer em Deus e nos Seus propósitos. Eles permanecem na igreja e podem até exercer alguma função, mas vão se afastando do convívio dos irmãos, da Palavra de Deus e, aos poucos, vão sendo absorvidos pelo desânimo.

Há vários motivos que levam uma pessoa ao desânimo, como: a não realização de seus sonhos pessoais, decepções, derrotas, rejeições etc. Eles sabem que precisam se reerguer, mas entraram em tal estado de fraqueza espiritual pela falta de vigilância e, agora, não conseguem mais se ascender para o SENHOR.

Aquele que ama a volta de Jesus procura acalmá-los e incentivá-los a se levantarem pelo convívio e exemplo. Eles são chamados para perto e recebem todo o cuidado espiritual, a fim de que não se percam!

& Estejam alertas, fiquem firmes na fé, sejam corajosos, sejam fortes. (1 Co.16:13 NTLH)

3. Aquele que se prepara para a volta de Jesus procura se fortalecer no SENHOR Jesus, por meio da Palavra de Deus e do Espírito Santo.

& Ajudem (com amor, resistam e se oponham aos...) os fracos na fé (os que não querem se fortalecer, não querem se tornar fortes) e tenham paciência (perseverem pacientemente sem um espírito de punição) com todos. (NTLH)

Esse estágio revela um espírito de oposição à Verdade e precisa ser combatido com amor. Essas pessoas, os fracos na fé, se mostram infiéis a Deus e podem contaminar outras pessoas com os seus argumentos ou crenças pessoais.

Paulo não está dizendo que devemos brigar ou rejeitar os que são fracos na fé, mas que devemos ter paciência e não os punir. De algum modo, eles enganaram a si próprios ou foram enganados por alguém. Paulo diz:

& Aceitem (acolham amistosamente, tomem pela mão, recebam) entre vocês quem é fraco na fé sem criticar as opiniões dessa pessoa. (Rm.14:1 NTLH)

Aquele que se prepara para a volta de Jesus não rejeita a ninguém; antes, ajuda as pessoas a se corrigirem de seus erros e enganos.

4. Aquele que se prepara para a volta de Jesus semeia com paciência o que é útil para Deus e Seu Reino nas pessoas.

Repare que o que vimos até agora nos mostra um caminho de derrota espiritual: por que uma pessoa se torna fraca na fé? Porque ela passou a pensar mais nos seus interesses, deixou de confiar no melhor de Deus para ela e desanimou da fé. Por que ela entrou nesse estado? Porque se tornou preguiçosa, pelo fato de deixar de vigiar o seu compromisso com Cristo, e ineficaz ou infrutífera no Reino de Deus.

Então, aquele que se prepara para volta de Jesus age com paciência e amor com essas pessoas, procurando fazer com que voltem tenham consciência da sua realidade espiritual e moral. Esse esforço tem como objetivo fazer com elas voltem a ter prazer em Deus e no serviço espiritual.

& Portanto, levantem as suas mãos cansadas e fortaleçam os seus joelhos enfraquecidos. (Hb.12:12 NTLH)

Que Deus nos abençoe!

ImprimirEmail